Aprendi que não temos limites para sermos felizes o importante mesmo é sempre buscar o que for necessário para essa felicidade que tanto procuramos, tudo depende de nós, só bastar querer! Agradeço aos meus santos e guias por que neles eu encontro uma felicidade muito especial e que através deles o meu contato com Deus e muito mais gratificante! A Casa da Estrela Guia é uma forma de agradecimento a eles! Obrigada!


Seja Bem vindo!!

Independente de qual for sua religião ou crença, sendo Espírita, Católico, Protestante, Evangélico, Kardecista, Budista, entre outras. Aqui neste espaço você encontrará Paz e Luz...


"De a quem você ama: Asas para voar, Raízes para voltar e Motivos para ficar.”Dalai Lama



Minha Meta: Divulgar o candomblé de todas as maneiras possíveis, de forma simples, clara e objetiva e Minha Missão: Ajudar os necessitados sem perguntas, fazendo o bem sem olhar a quem... - Alda da Oxum

Seguidores


Aqui começa mais uma etapa da minha Vida, que quero compartilhar com você. Neste Blog, espero ajudar muitos amigos, parentes e irmãos... Serve para quem sabe muito, pouco ou nada sobre o espiritismo. Ou seja, o Blog também será feito por você, caso tenha alguma dúvida, informação, oração, matérias, ou qualquer assunto sobre Candomblé ou Umbanda, mande para mim, pois um dia alguém precisará e terá aqui no Blog a sua informação. Desde já muito obrigada pela visita, pela ajuda e pelo carinho!


“O Candomblé não é responsável pelos absurdos praticados em seu nome, assim como Jesus Cristo não é responsável pelos absurdos que foram e que são praticados em Seu nome e em nome de seu Evangelho”.

segunda-feira, 30 de dezembro de 2013

Um pedido à Iemanjá



Eu pedi à Iemanjá, para retirar os meus vícios.
Iemanjá disse: Não. Eles não são para eu tirar, mas para você desistir deles.

Eu pedi à Iemanjá, para fazer meu filho aleijado se tornar completo.
Iemanjá disse: Não. Seu espírito é completo, seu corpo é apenas temporário.

Eu pedi à Iemanjá, para me dar paciência.
Iemanjá disse: Não. Paciência é um subproduto das tribulações; Ela não é dada, e sim aprendida.

Eu pedi à Iemanjá, para me dar felicidade.
Iemanjá disse: Não. Eu dou bênção; Felicidade depende de você.

Eu pedi à Iemanjá, para me livrar da dor.
Iemanjá disse: Não. Sofrer te leva pra longe do mundo e te traz para perto de mim.

Eu pedi à Iemanjá, para fazer meu espírito crescer.
Iemanjá disse: Não. Você deve crescer por si próprio! Mas eu te podarei para que dês bons frutos.

Eu pedi à Iemanjá, todas as coisas que me fariam apreciar a vida.
Iemanjá disse: Não. Eu te darei a vida, para que você aprecie todas as coisas.

Eu pedi à Iemanjá, para me ajudar a AMAR os outros, como ela me ama.
Iemanjá disse: Não. A gente não aprende a gostar das pessoas porque quando a gente ama não precisa aprender nada, ame à todos como eu te amo!

Toda mãe é sábia, o crescimento depende de cada um de nós, muitas vezes a duras penas. Saibamos sempre pensar em nossos pedidos, não devemos jogar a responsabilidade de nossos atos, para os santos resolverem.

Eles no proporcionam amor e paz espiritual, nossas atitudes certas ou erradas e de nossa responsabilidade.

Abraços
Alda da Oxum

 

Nenhum comentário:

Orixás

Orixás

Agradecimento


click to create your own


”Bem amados, intensificai vossas orações para que vosso planeta e vossos irmãos possam superar todos os obstáculos que se apresentam neste momento de transição.”


Postagens populares